Grails: um guia rápido e indireto

Indice

1. Introdução

2. Como instalar o Grails

3. Groovy – O basico para quem for aprender Grails

  • O que é Groovy?
  • Instalando Groovy
  • Diferenás básicas entre código Java e Groovy
  • Closures (em construção)
  • Intervalos (escalas), hashes (maps) e coleções

3.1 Closures

  • O que é uma closure
  • Como declarar uma closure
  • Como referenciar uma closure
  • Como executar uma closure
  • Escopo de execução

3.2 Groovy Dinâmico

  • Invocação dinâmica de métodos
  • Incluindo novos comportamentos em suas classes em tempo de execução

3.2.1 – Usando a invocação dinâmica de métodos com Grails

4 Grails

4.1 Grails: entendendo a estrutura de diretórios

4.2. Entendendo o SiteMesh

4.3 Controladores
4.3.1 – Lidando com parâmetros duplicados

4.4 Filtros

4.5 Grails: Acessando bases de dados legadas

4.5.1 Configurando o acesso a dados
4.5.2 Utilizando outros tipos de chaves primárias
4.5.3 Evitando queda de conexão com o servidor de banco de dados
4.5.4 Busca por critérios (criterias)
4.5.5 Entendendo as validações (constraints)
4.6 Entendendo os ambientes de execução (environments)

5. Testando sua aplicação

6 Miscelânea

6.1 Enviando e-mails de uma forma realmente simples (sem usar o plugin)
6.2 Grails e código legado
6.2.1 Grails e código legado na prática
6.3 Grails: lidando com o cache do navegador

6 Bibliografia

16 Comments

Add Yours →

bommmm

ajudem mais a muita gente que quer aprender mais essa sena.valeuu
thanks for all.
Djaba

Responda

admin Reply:

Oi Djaba, que bom que gostou. Valeu!

Responda

Poderia ser bem pior… nada poderia dar errado… até que… ;)

Vou ler esse guia e parar de te infortunar hehehe

Responda

admin Reply:

Até que…
eu resolvo ampliar ainda mais o guia!
He he he he he!
Valeu!

Responda

[…] Se você não conhece, um pequeno “WTF“: Grails é um framework web, utilizando a linguagem Groovy, inicialmente baseado no framework Ruby on Rails. O principal motivador para se dar uma olhada: a integração transparente com sua base de código Java. Aprofunde um pouco mais seu conhecimento com a minha apresentação feita na Globalcode no ano passado: Minicurso Groovy / Grails (outro link MUITO interessante é o texto do Henrique Lobo Weissmann: Grails, um guia Rápido e indireto) […]

Olá,

Alguém pode me explicar como faço para que minha aplicação tenha 11 temas diferentes? Como devo proceder com isso? Não acho uma documentação sobre isso. Meu e-commerce hoje tem 11 clientes, e quero converter tudo pra grails (hoje está em PHP), porém a aplicação é unica mas posso escolher o tema e preciso saber como estruturar isso no grails (pasta de views por tema, pasta de temas, html, js, css, imagens, etc…). Alguém?

Responda

Kico (Henrique Lobo Weissmann) Reply:

Oi Paulo,

neste caso, a melhor opção é você postar esta dúvida no Grails Brasil (http://www.grailsbrasil.com.br), aonde mais pessoas podem lhe ajudar. Eu costumo responder a basicamente todas as perguntas postadas neste site.

Grande abraço!

Responda

Olá Kico,
Parabéns pelo guia, muito bom.
Senti falta (pelo menos olhando pelos tópicos) de algo sobre relacionamento, rola de adicionar um capítulo abordando o assunto?
Abs.

Responda

Kico (Henrique Lobo Weissmann) Reply:

Oi Dyego, valeu! Excelente sugestão.

Na realidade isto vai existir sim, mas na forma de vídeo. Só estou esperando um tufão pelo qual estou passando ficar mais tranquilo que retomo a produção disto.

Responda

Kiko! Seu livro sobre Grails, você já lançou?

Responda

Kico (Henrique Lobo Weissmann) Reply:

Opa! Sai a versão final na primeira quinzena de abril! :)

Responda

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.